Tcheco reclama de erros bobos da defesa

Meia lembra que o time está chegando em momento decisivo e precisa de mais atenção


Ao longo da semana, Tcheco sentiu dores, mas foi para o jogo mesmo assim

Ao longo da semana, Tcheco sentiu dores, mas foi para o jogo mesmo assim


O Grêmio sofreu para conseguir o empate com o Goiás por 2 a 2, ontem, jogando no Olímpico. Um resultado positivo, se considerado o que aconteceu nos 90 minutos da partida. O Esmeraldino esteve na frente por duas vezes e se não fosse o gol salvador de Maxi López, aos 47 do segundo tempo, o Tricolor teria perdido o jogo.

Para o meia Tcheco, o motivo pelo fraco desempenho da equipe foram os erros bobos cometidos pela defesa. Um deles ocorreu quando os gremistas ficaram reclamando com o árbitro e não viram Iarley, que se aproveitou da desatenção para dar o passe que originou o primeiro gol. E no segundo, a defesa ficou parada e Felipe Menezes recebeu de frente para o goleiro.

– Nós, praticamente, demos os gols para o Goiás. A defesa cometeu muitos erros e isso não pode se repetir ou teremos muitos problemas pela frente – reclama o meia, que marcou um gol de pênalti na partida.

Sobre a Libertadores, o jogador revelou não achar que chegaram os quatro melhores times na semifinal da competição e, sim, os que forma mais competentes.

– Talvez não tenham chegado os quatro melhores nas semifinais, mas os que foram mais inteligentes nos momentos decisivos – afirma Tcheco.