Ability admite sondagem, mas nega acerto de W. Paulista com o Grêmio

Representante da empresa que detém diretos econômicos do jogador diz que terá conversa com Botafogo sobre reajuste salarial

Ampliar Foto Jorge William/AGÊNCIA O GLOBO Jorge William/AGÊNCIA O GLOBO

Permanência de Wellington Paulista ainda está indefinida

No momento em que começam as especulações sobre transferências de jogadores, ainda mais num período de dificuldades financeiras do Botafogo, a notícia de que Wellington Paulista estaria acertado com o Grêmio foi negada pela Ability, empresa que detém os direitos econômicos do atacante. Segundo Henrique Rodrigues, diretor de futebol do fundo de investimentos, tudo ainda não passou de uma sondagem.

– O Grêmio é um dos quatro clubes brasileiros que ligaram perguntando sobre a situação do Wellington. O mesmo aconteceu com dois clubes da Alemanha, que voltaram a mostrar interesse, como haviam feito há alguns meses. Mas em nenhum dos casos houve proposta, o que é diferente – explica ele ao GLOBOESPORTE.COM.

Wellington Paulista tem contrato com o Botafogo até 31 de dezembro de 2011, mas está prevista para os próximos dias uma nova conversa entre a Ability e André Silva, novo vice de futebol do clube, sobre possível reajuste no salário do jogador. Henrique Rodrigues admite que o futuro do atacante no Alvinegro também dependerá da questão financeira.

– O Botafogo deseja que o Wellington continue, mas vou conversar novamente com o André Silva, pois o clube estabeleceu um corte na folha de pagamento dos jogadores para o ano que vem, quando estava previsto um reajuste no salário do jogador – observa.

O atacante afirma que ainda não pensa em deixar o Botafogo, apesar do descontentamento com os salários atrasados, e ressalta que seu principal objetivo é se recuperar de uma lesão no ombro.

–  Eu fui muito bem recebido no Botafogo, fizemos uma família aqui, por isso acho que ainda vale uma tentativa de ajustarmos tudo para o ano que vem. Não estou de mudança e nem tenho pensado nisso. O que eu quero agora é me recuperar para o último jogo e fazer meu último gol no Brasileiro sobre o Palmeiras – diz Wellington, em declarações divulgadas por sua assessoria de imprensa.