Krieger: ‘Grêmio teve mais sorte que juízo’

Dirigente pede que treinos de finalização sejam intensificados

André Krieger sabe que a sorte foi fundamental para a vitóriaAndré Krieger sabe que a sorte foi fundamental para a vitória (Crédito: Divulgação)

LANCEPRESS!

A vitória de 2 a 1 sobre o Aurora, em Cochabamba (BOL), nesta quarta-feira, levou o Grêmio à liderança do Grupo 7 da Libertadores com sete pontos. Mas jogadores e dirigentes não disfarçaram a preocupação com a reincidência no desperdício de chances claras de gol.

O vice-presidente de futebol, André Krieger, ressaltou a importância dos três pontos e acha que treinar mais é a solução para corrigir as oportunidades perdidas.

– Os três pontos foram muito importantes. O Grêmio deixou de matar o jogo no primeiro tempo e acabou se complicando no segundo. Os treinos de finalização precisam ser intensificados, porque não é possível conviver com tantas chances perdidas.

Sorte foi um dos fatores que Krieger relacionou à vitória tricolor.

– Pelas circunstâncias podemos dizer que foi mais sorte que juízo. O Grêmio teve sorte no lance do segundo gol, foi uma falha gritante do goleiro deles. Mas chegou mesmo o momento de a sorte virar um pouco para o nosso lado.