Renato Gaúcho não pretende poupar titulares no estadual

Técnico só deixará de fora atletas sob risco de lesão devido a problemas físicos


Não haverá preservação de titulares do Grêmio em partidas do Campeonato Gaúcho, mesmo que a Taça Libertadores seja a prioridade. O técnico Renato Gaúcho deixará de fora apenas jogadores com problemas físicos ou sob risco de lesão iminente, conforme os exames de desgaste realizados pela preparação física.

No próximo domingo, portanto, o Grêmio terá a força máxima possível na partida contra o Veranópolis, às 16h, no Estádio Olímpico. Não entrarão em campo os jogadores em recuperação, como o volante Adilson, e os atacantes Júnior Viçosa e Escudero.

– O Carlos Alberto apesar de não ter treinado está relacionado. O Escudero e o Adilson não, eles estão fora porque o teste precisa ser em um jogo-treino. Eles ainda serão preservados. (…) O Rodolfo está concentrado e vai jogar. Esse negócio de poupar acabou. Só estou preservando o jogador que tem algum problema, para evitar de estourar o jogador e perdê-lo mais na frente – explicou.

A filosofia se mantém mesmo que na próxima quinta-feira o Grêmio receba o Junior Barranquilla, líder do Grupo 2 da Libertadores, às 19h15m:

– Minha cabeça é montar o time que enfrenta o Veranópolis. A partir de segunda-feira eu penso no jogo da Libertadores. Vou montar o time que eu achar melhor para enfrentar o Veranópolis, independentemente de quem está inscrito na Libertadores.

Mas o treinador evita antecipar à imprensa a escalação do Grêmio que receberá o Veranópolis neste final de semana. O time será divulgado apenas faltando 45 minutos para o início do confronto pelo estadual.

– Tenho até domingo para pensar, o importante é que eu tenho boas opções para cada posição. O problema é quando você não tem as opções – concluiu.