Terror, suspense e… torcida critica sequência da novela Ronaldinho

Gremistas dizem que jogador precisa assumir sua vontade e parar de ser controlado pela família


Mais um dia. Mais um capítulo da novela Ronaldinho no Olímpico. Ou seria um filme. Se perguntarem à torcida, a definição não importa. Apenas a sensação de que não há mais tempo ou paciência para uma nova sequência. Depois de quase 10h esperando pelo ídolo no estádio, os gremistas já não querem saber de desculpas, apenas do final feliz que tanto aguardam: ver o Gaúcho de novo com o uniforme tricolor.

– Já está ficando chato demais. Esse filme tem três etapas: começou com terror, com a torcida não querendo o Ronaldinho aqui. Depois, veio esse suspense, vem ou não vem. Agora, queremos o final da história de amor, com ele jogando pelo Grêmio e conquistando muitos títulos para a gente – disse o torcedor Naian Meneghetti.

A impaciência da torcida é tão grande que o ídolo já começou a ser cobrado e sua atitude julgada.

– Ele está muito travado. Tem que parar com isso. Ronaldinho precisa assumir a vontade dele. Não pode ser controlado pela família assim. Tem que definir o que ele quer e ponto final – afirmou Elvis Júnior.

E se a história de amor não tiver o final feliz esperado? Essa hipótese nem é discutida pela torcida. Para eles, a saída do meia em 2001 já foi mais do que eles poderiam aguentar.

– Uma traição já é ruim, duas não dá para aturar. Se ele não vier para o Grêmio, não precisa nem mais pisar em Porto Alegre – garantiu Jeferson Santana.