Diego, xodó no Grêmio, evita pressão por mais oportunidades

Atacante ainda não começou partidas, mas já marcou quatro gols

Renato Gaúcho indicou ao Grêmio a contratação do atacante Diego, que estava no América-MG. O jogador chegou e de imediato tornou-se xodó da torcida – quase um amuleto. Em nove jogos marcou quatro gols, sempre como reserva.O mais recente aconteceu no sábado, quando o Grêmio venceu o Atlético-PR por 3 a 1. Diego ouviu a torcida clamar pela sua entrada, foi ao campo no segundo tempo, e fez o terceiro.

Curiosamente, Diego ainda não começou nenhuma partida pelo tricolor. Júnior Viçosa, atacante apresentado no mesmo dia da sua chegada, já foi titular duas vezes. Ele não aproveita o momento, entretanto, para reivindicar mais oportunidades.

– O Renato sabe se eu vou jogar, ou se devo entrar. Estou tranquilo e quero sempre ajudar.

Ele quer apenas curtir o bom momento, independentemente da permanência na reserva.

– Fico muito feliz, espero que isso possa continuar acontecendo. É uma felicidade muito grande, quero continuar fazendo os gols.