Convocações de Victor e Douglas ajudam a amenizar tristeza por derrota

Clima no Grêmio melhora após o anúncio de Mano Menezes nesta sexta

O futebol vive de jargões. Jargão é aquela frase que é repetida o tempo todo para explicar alguma coisa. Se um time enfrenta um outro bem menos conhecido, há sempre alguém que diga: “não tem mais bobo no futebol”. Para um artilheiro falar sobre sua função lá vem o “atacante vive de gols”.

No Grêmio, o jargão que melhor se encaixa no atual momento é o “o futebol vive de altos e baixos”. Na quinta, uma derrota por 2 a 0 para o Fluminense, que praticamente acabou com as chances do tricolor gaúcho chegar ao título e complicou a caminhada rumo a Libertadores. Na sexta, a felicidade por ver dois jogadores na lista de convocados de Mano Menezes.

Uma coisa não apaga a outra, é claro. Mas o ambiente do clube ficou muito melhor após o anúncio de que Douglas e Victor foram selecionados para enfrentar a Argentina. No treino realizado nesta sexta-feira, em General Severiano, o clima era muito mais leve do que a revolta generalizada do dia anterior. Até brincadeiras puderam ser vistas em campo.

– A gente ainda está chateado com a arbitragem do jogo contra o Fluminense. Não tivemos um pênalti claro marcado. E nós também jogamos muito melhor. Mas é claro que a gente fica muito feliz com a convocação. Ajuda a apagar um pouco a frustração – disse o goleiro Victor.

O outro selecionado tricolor, Douglas, foi ainda mais taxativo. O meia, convocado pela primeira vez para a Seleção, esbanjava alegria.

– É o dia mais feliz da minha vida. Claro que ainda estamos meio abalados por causa do jogo, mas, particularmente, estou muito contente.

Com Victor e Douglas, o Grêmio encara o Goiás na próxima quarta-feira, em Goiânia. O jogo será disputado no Serra Dourada e tem início às 19h30m (horário de Brasília).