Em jogão, Grêmio e Inter empatam no Olímpico

Tricolor fica na frente por duas vezes, mas sofre o empate em ambas. Resultado, no entanto, deixa equipes próximas dos líderes

Em um jogo cheio de emoção e gols, Grêmio e Internacional empataram em 2 a 2 neste domingo, no Olímpico. O resultado manteve as equipes bem próximas dos líderes – o Tricolor tem 47 pontos e o Colorado 48. Os gols foram marcados por André Lima e Fábio Santos para o Grêmio; e Alecsandro e D’Alessandro para o Inter.

Gre-Nal geralmente é assim: desde o primeiro minuto, muita dedicação e intensa movimentação de ambos os lados. E foi nesses moldes que iniciou-se o clássico deste domingo. No entanto, os muitos cartões amarelos que costumam ser aplicados não apareceram na primeira etapa.

O goleiro que trabalhou primeiro foi Victor. Em uma boa troca de passes do ataque colorado, Guiñazu, que em quase 200 partidas pelo Inter só marcou quatro vezes, chutou colocado para uma boa defesa do arqueiro gremista. A partida vinha equilibrada até os 36 minutos.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Nesse momento, Doulgas, que andava sumido, cobrou falta na cabeça de André Lima, que não titubeou: 1 a 0. Depois disso, o Grêmio tomou conta da partida e esteve mais perto de marcar o segundo do que o Inter de diminuir.

Mesmo em vantagem, o Grêmio manteve a superioridade no segundo tempo. Nem a entrada de Rafael Sobis no lugar de Glaydson melhorou o poder ofensivo do Inter, que tem se mostrado limitado nos últimos jogos. Douglas e Jonas tiveram, quase em sequência, duas chances de ouro, mas desperdiçaram.

Melhor, o Grêmio não aproveitou as oportunidades, e, como quem não faz leva, sofreu o empate num pênalti ocasionado por uma mão na bola de Fábio Rochemback, em cima da linha. Alecsandro cobrou com força, no meio do gol e fez. Mas o bom momento do Inter, que ainda teve três bons chutes de D’Alessandro e Rafael Sobis, durou pouco.

Isso porque, apenas quatro minutos depois de empatar o clássico, o Colorado levou o segundo. E que gol: Fábio Santos tabelou com André Lima, entrou na área e bateu de bico para vencer o goleiro Renan e colocar de novo o Grêmio na frente. Mas Gre-Nal é mesmo imprevisível. Aos 38, D’Alessandro finalizou de longe e o goleiro Victor, que vinha sendo o herói da vitória, aceitou: final no Olímpico, 2 a 2.

FICHA TÉCNICA:
GRÊMIO 2 X 2 INTERNACIONAL

Estádio: Olímpico, em Porto Alegre (RS).
Data/hora: 24/10/2010, às 18h30 (de Brasília).
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (RS).
Auxiliares: Altemir Hausmann (RS) e Roberto Braatz (PR).
Renda/público: Não disponíveis.
Cartões amarelos: Adilson (GRE); Guiñazu (INT).
Cartões vermelhos: Fábio Rochemback (GRE, 19’/2ºT).
Gols: André Lima, 36’/1ºT (1-0); Alecsandro, 20’/2ºT (1-1); Fábio Santos, 24’/2ºT (2-1); D’Alessandro, 38’/2º (2-2).

GRÊMIO: Victor, Gabriel, Paulão, Rafael Marques e Fábio Santos; Vilson, Fábio Rochemback, Lúcio e Douglas (Gilson, 42’/2ºT); Jonas (Diego Clementino, 35’/2ºT) e André Lima (Adilson, 25’/2ºT).
Técnico: Renato Gaúcho.

INTERNACIONAL: Renan, Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Wilson Matias (Leandro Damião, 45’/2ºT), Guiñazu, Glaydson (Rafael Sobis, intervalo) e D’Alessandro; Giuliano (Andrezinho, 32’/2ºT) e Alecsandro.
Técnico: Celso Roth.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: