Grêmio pode oficializar contratações de Leandro e Lúcio nesta segunda

Jogadores devem ser apresentados no decorrer da semana como reforços para o segundo turno do Campeonato Brasileiro


Montagem sobre foto/AFP

Lúcio e Leandro: perto do Grêmio

A segunda-feira pode ter a confirmação de dois reforços para o Grêmio. O clube está acertado com o atacante Leandro, do Verdy Tokyo, do Japão, e com o lateral-esquerdo Lúcio, do Hertha Berlim, da Alemanha. Falta apenas que os jogadores se desvinculem de seus clubes.

Lúcio, por meio de sua comunidade oficial no site de relacionamentos Orkut, avisou que chega no início da semana a Porto Alegre. Ele assinará contrato de empréstimo por um ano. Será o titular, já que Fábio Santos está lesionado e Jadilson não conta com a confiança do técnico Paulo Autuori. Lúcio foi vice-campeão da Libertadores de 2007 com o Grêmio.

A situação de Leandro também deve ser resolvida em breve. O jogador ficou muito satisfeito com o tratamento que recebeu do Grêmio desde o início das negociações. Ele está no Japão, onde tenta receber todo o dinheiro a que tem direito do Verdy Tokyo. O acerto dele com o clube gaúcho será por três anos.

Neste domingo, depois da goleada de 4 a 1 sobre o Flamengo, Autuori elogiou os futuros reforços do Grêmio.

– Eles vão nos ajudar muito. Lúcio é conhecido do clube, muito querido por todos aqui. Com a passagem pelo futebol europeu, estará mais maduro. O Leandro é um jogador de velocidade, um guerreiro. São contratações muito importantes para nós – disse o treinador.

A diretoria gremista promete esforço máximo para manter o argentino Maxi López. No decorrer da semana, deve ser oficializada ao clube gaúcho uma proposta do Werder Bremen, da Alemanha, pelo jogador.

Após milagres, Victor quer fazer do Grêmio o caminho para a Copa

Goleiro admite frustração por não ser convocado depois da Copa das Confederações e reconhece que disputa é árdua


O jogo contra o Flamengo ficou na memória de Victor e da torcida do Grêmio

– Copa do Mundo é meu objetivo individual de carreira. Procuro fazer meu melhor aqui no Grêmio para conseguir. Foi o Grêmio que me propiciou tudo isso. Tirando o Julio César, que está em um momento fenomenal, as vagas estão em aberto. Vai definir de acordo com o que eu fizer aqui – disse Victor.

O goleiro do Grêmio esteve na Copa das Confederações, mas não foi chamado por Dunga depois. O treinador da seleção brasileira preferiu convocar Gomes. Victor admitiu que ficou frustrado, mas não reclama da decisão do técnico.

– A frustração existe a partir do momento em que temos uma convocação. Fica uma expectativa, mas o Dunga tem que fazer escolhas, até porque só foram chamados dois goleiros. Ele optou pelo Gomes. Respeito a decisão dele – afirmou Victor.

Na análise do atleta gremista, a concorrência por vaga na Copa do Mundo é muito forte. Ele acredita que Dunga ainda não tem a definição dos reservas de Julio César.

– O Brasil está muito bem servido de goleiros. Temos pelo menos cinco grandes nomes em condições de seleção. Fora do país, temos Gomes, Doni, o Renan, o Diego Alves, o Helton. Tem uma quantidade muito grande para falar que vai ser esse ou aquele.

Grêmio ganha um novo volante: Réver

Zagueiro marcou um gol e se destacou contra o Flamengo


Depois de reconhecer que o goleiro Victor foi fundamental para a vitória do Grêmio sobre o Flamengo, neste domingo, no Olímpico, o técnico Paulo Autuori enalteceu a atuação do outro craque do seu time – o zagueiro Réver, que foi o segundo melhor do time atuando como volante.

A ponto de o técnico antecipar que vai mantê-lo improvisado no meio-de-campo na abertura do returno, contra o Santos, quarta-feira.

– Gostei do Réver ali. Ele marca e sai com grande qualidade, basta ver o gol que marcou. Um volante assim é uma vantagem, porque o meia não sai atrás para marcar – observou o treinador.

Réver continuará na posição, dessa vez, porque o volante Túlio cumprirá suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Mas não se descarta que seja mantido, dependendo da atuação na Vila Belmiro. É que Autuori gostaria de arrumar um lugar para o zagueiro Rafael Marques, cuja segurança ele aprecia. Nesse caso, Adilson e Túlio disputariam a outra vaga de volante. Réver já atuou no meio-de-campo também nos tempos de Paulista, mas apenas eventualmente.

O técnico do Tricolor admitiu que “a goleada teve tudo a ver com a atuação do nosso goleiro”. E explicou.

– A justiça no futebol é expressada pelo placar, que premia o time mais eficaz. Disse isso também depois de alguns jogos fora de casa, quando atuamos melhor e o Victor nem foi exigido, mas perdemos – recordou.