Em momento de reformulação, Autuori promove três laterais da base do Grêmio

Bruno Collaço para a esquerda mais Sérgio e Spessato para a direita passam a integrar o grupo principal de jogadores do Tricolor Gaúcho



Quando o Grêmio aguardou dois meses para poder contratar Paulo Autuori, o argumento foi de que a espera valia a pena, já que ali estava um treinador de gestão, com o perfil para cuidar do clube não só no grupo principal, mas também nas categorias de base. Passada a correria da Libertadores, o técnico tricolor passa a olhar com mais atenção para a gurizada. Está decidido que promessas do clube gaúcho agora passam a integrar o grupo principal.

Paulo Autuori convocou três laterais dos juniores. Foram chamados os laterais-direito Sérgio e Spessato, de 18 anos, e o lateral-esquerdo Bruno Collaço, de 19. O treinador já vinha aproveitando também garotos como o zagueiro Mário Fernandes e os meias Maylson e Isael. O zagueiro Saimon, os meias Julio César e Mithyuê e o atacante Roberson são outros que integram o elenco.

O treinador fará um projeto para as categorias de base. Ele será o responsável pelo setor. Cuidará até do sistema de jogo dos meninos, que será o 4-4-2.

– Quem me conhece sabe que tem que ser o 4-4-2. Precisamos formar laterais e meias no futebol brasileiro – argumentou o treinador.

Grêmio mantém silêncio sobre dispensas

Jadilson, Jonas e Orteman são os mais cotados para sair


Jadilson não se firmou e deve deixar o Grêmio

Jadilson não se firmou e deve deixar o Grêmio


Os dirigentes e a comissão técnica do Grêmio fizeram uma reunião de quatro horas, nesta terça-feira, para avaliar o desempenho de jogadores e tratar de detalhes da reformulação do elenco. Mas, ao falar sobre o assunto, o técnico Paulo Autuori negou que exista uma lista de dispensa.

— Seríamos irresponsáveis se fizéssemos isso. Um tiro no pé. A redução do grupo será feita paulatinamente, no decorrer de uma seqüência de jogos – informou o técnico, adiantando que, por respeito aos atletas, não existe a menor possibilidade de ele falar em nomes.

Os mais citados têm sido Jadílson, Orteman e Jonas. Autuori deu a entender que as saídas acontecerão à medida que o clube consiga reforços. Mas isso pode não ser tão rápido.

— Não vamos contratar por contratar. Além da qualidade técnica, o jogador terá de se enquadrar num perfil em que o caráter também entra. Tem clube aí que contratou até dois para uma posição e não ficou com nenhum – argumentou Autuori.

Eliminação na Taça Libertadores ainda dói no elenco tricolor

Mesmo com goleada no fim de semana, Grêmio não esquece queda nas semifinais da competição continental



Semana nova, vida nova para o Grêmio. Mas esquecer a quinta-feira passada não será tão fácil assim. O clube tricolor ainda sofre com a eliminação para o Cruzeiro nas semifinais da Libertadores da América. Dentro de campo, o time gaúcho deu a volta por cima e goleou o Atlético-PR por 4 a 1 no primeiro jogo depois do empate por 2 a 2 com a Raposa. Mas a dificuldade maior está fora das quatro linhas.

O problema mesmo é tirar da cabeça a decepção da semana passada. Os jogadores admitem que a tristeza de quinta-feira segue martelando no vestiário.

– Eu fiquei chateado, cabisbaixo. Em casa, fico pensando nisso. Deixamos nosso sonho escapar. Mas a vida é assim. Temos que continuar o trabalho – disse o zagueiro Réver.

O clima no Grêmio é de indefinição. Atletas serão dispensados nos próximos dias. O clube precisará de tempo para digerir a dor da eliminação.

– A gente fica pensando nos detalhes que faltaram. Foram alguns errinhos, pequenas coisas que poderiam ter nos dado a classificação para a final – comentou Réver.

O elenco do Grêmio se reapresentou nesta terça-feira, depois de receber folga na segunda. O time já iniciou a preparação para o próximo compromisso pelo Campeonato Brasileiro, domingo, no Olímpico, contra o Corinthians.