Rafael Marques aposta na conversa para agilizar adaptação ao 4-4-2

Grêmio enfrentará o Flu no Maracanã com um novo sistema tático


Rafael Marques diz que zagueiros terão que conversar mais com o esquema 4-4-2

O Grêmio vai enfrentar o Fluminense domingo, às 16h (horário de Brasília), no Maracanã, pela sexta rodada do Brasileirão no sistema preferido pelo treinador Paulo Autuori. A implantação do 4-4-2 ocorrerá justamente na partida que será disputada em um gramado com dimensões grandes. Sai um zagueiro e entra um meio-campista. Para evitar que Fred e companhia fiquem com muito espaço lá na frente, Rafael Marques diz que os defensores terão que conversar para corrigir o posicionamento durante o jogo:

– Temos que conversar o máximo possível. Estamos trabalhando muito o posicionamento. mas dentro do jogo o mais importante é a comunicação entre os jogadores – disse Rafael Marques.

Para o jogo diante do Flu, Réver está suspenso e tudo está definido. Mas depois um zagueiro, que até agora era titular, irá perder o lugar de titular na equipe:

– É verdade. Mas o mais importante é você saber que está trabalhando bem e deixar nas mãos do professor. Todos buscam o seu espaço — revela Rafael Marques.

Depois da partida contra o Tricolor das Laranjeiras, o Grêmio volta às atenções para o confronto diante do Caracas, pela Libertadores. Rafael Marques não quer pensar no torneio continental antes do jogo no Maracanã:

– São duas competições que exigem muita da gente. Mas temos que pensar primeiro no Brasileiro. Sabemos da nossa qualidade e vamos para o Rio de Janeiro buscar uma vitória.

Túlio admite que experiência ajuda na mudança de esquema

Volante do Grêmio precisa ajudar os mais jovens na adaptação


Túlio admite que difícil será encarar o Fluminense

Túlio admite que difícil será encarar o Fluminense


O técnico Paulo Autuori já anunciou que o esquema 3-5-2 chegou ao fim no Grêmio. Contra o Fluminense, domingo, a equipe atuará no 4-4-2 e o volante Túlio reconhece que caberá aos jogadores mais experientes guiar a adaptação dos mais jovens a um novo modo de atuar.

– Acho que principalmente para passar de um sistema a outro, nós temos uma facilidade maior justamente pela experiência. Isto faz uma diferença grande nesta hora – disse ao Portal Clicrbs, destacando que o principal adversário deste domingo não será a troca do esquema. Mas sim o Fluminense.

– O risco que temos é de enfrentar um adversário com qualidade. Sabemos que não será fácil. Espero que estejamos bem individualmente.

Túlio já exerce uma liderança dentro de campo. Auxilia o jovem Adilson na distribuição em campo e divide com a revelação a responsabilidade de uma marcação forte e de apoio ao ataque. Túlio explicou como atua com o companheiro no meio-de-campo tricolor.

– A princípio, quando você vê o posicionamento da equipe antes da bola rolar é um quadrado. Mas à medida que a bola vai para o lado direito ou esquerdo, a figura se transforma, pois eu tenho que sair e o Adílson fará minha cobertura quando a bola estiver do lado direito. Pelo lado esquerdo é o contrário. Então o quadrado acaba se transformando em um losango no decorrer da partida – comentou ao Portal Clicrbs.

Autuori cogita escalar Thiego na lateral direita do Grêmio contra o Fluminense

Ainda assim, técnico reitera que a primeira opção para o setor é Makelele


Thiego (de colete) pode ganhar uma chance

Em entrevista coletiva, ao final do treinamento desta terça-feira, o técnico Paulo Autuori projetou a equipe que enfrentará o Fluminense, às 16h do próximo domingo, pela 6ª rodada do Brasileirão. E o treinador gremista não descartou escalar o zagueiro Thiego na lateral direita.


Autuori não conta com os laterais Ruy e Joílson, ambos suspensos. O volante Makelele era nome praticamente certo no setor, mas o treinador lançou a dúvida, admitindo a possibilidade de improvisar Thiego. Sem, entretanto, alterar o sistema tático já definido: o 4-4-2.


– O Makelele sabe jogar ali. Mas, neste momento, eu tenho outra opção, que é o Thiego atuando como lateral-direito. Estou clareando para vocês o que passa pela minha cabeça. Vou definir nos próximos trabalhos, mas a chance maior é que Makelele jogue mesmo – explica.


O treinador comentou ainda os recentes insucessos do Grêmio frente ao Fluminense no Estádio Maracanã, local da partida de domingo. Segundo o treinador, este é mais um argumento que sustenta a troca do 3-5-2 pelo 4-4-2.


– Por isto que nós temos que mudar. Jogar no 3-5-2 no Maracanã, que você abre espaço e joga com a equipe larga é complicado. Se você puder juntar mais as linhas defensivas e de ataque vai diminuir o espaço para se defender e aumentar o espaço para atacar. A preocupação não existe pois gosto de correr riscos. Quero que a equipe pratique as coisas que treinamos durante a semana – justifica.


Autuori falou ainda se há relação entre o confronto pelo Brasileirão com o Fluminense, e a partida decisiva da próxima semana pela Copa Libertadores, contra o Caracas.


– Ligação sempre há pois um bom resultado garante uma boa atmosfera para o jogo seguinte. Mas não tenho preocupação neste sentido. Acredito que um profissional vitorioso tem que correr riscos, estar sempre pronto para receber críticas e elogios.


O técnico defendeu ainda o volante Adilson das primeiras contestações, elogiou Túlio, e disse que o veterano meio-campista dará um bom suporte a Adilson. Ele vê em Túlio um jogador capaz de compreender perfeitamente suas orientações.

Choque com Leo piora situação de Jonas

Atacante deve ficar fora do jogo contra o Fluminense


Jonas deve ser desfalque contra o Flu

Jonas deve ser desfalque contra o Flu


Numa dividida com o zagueiro Leo, no treino realizado pelo Grêmio na tarde desta terça-feira, o atacante Jonas levou a pior – e, ao cair, torceu o tornozelo direito. O atleta virou dúvida para o banco de reservas da equipe que enfrentará o Fluminense, domingo, no Rio de Janeiro. O titular de sua posição é Alex Mineiro.

Jonas não atuou no 3 a 0 sobre o Náutico, na quinta-feira da semana passada. Cumpria suspensão. No treino desta terça-feira, buscava recuperar a posição – o que já era difícil, devido à boa atuação de Alex Mineiro na última partida. Sua situação piorou no choque com Leo.

Segundo o médico Felipe do Canto, uma nova avaliação será feita dentro de 12 horas, para saber se o jogador terá condições de integrar a delegação gremista que viajará ao Rio de Janeiro.

O técnico Paul o Autuori encaminha o Grêmio no 4-4-2 para encarar o Fluminense, às 16h do próximo domingo, no Estádio Maracanã, pela 6ª rodada do Brasileirão. O time deve ser confirmado com Marcelo Grohe; Makelele, Léo, Rafael Marques e Fábio Santos; Adilson, Tulio, Tcheco e Souza; Maxi López e Alex Mineiro.